Review: The Originals 5×08 – “The Kindness of Strangers”

Atenção: a resenha abaixo contém spoilers de “The Kindness of Strangers”, exibido no dia 13/06/2018.

the originals 5x08

Demorei, mas cheguei!! Com as tarefas da semana, atrasei no melhor episódio da temporada até agora. Vou tentar ser breve. Em The Kindness of Strangers, temos finalmente o reencontro dos Mikaelsons. Vemos que a prisão que Elijah e Klaus terminaram no episódio passado, na verdade era um Chambre de Chasse, aprisionando todos os irmãos, e até Marcel.

Para escapar, precisavam encontrar as chaves, de acordo com uma ligação com a garota. O objetivo de Hope era retirar dos parentes os poderes da Hollow.

Temos tudo o que mais gostamos na interação dessa família: Klaus tentando proteger o ainda desmemoriado Elijah, Marcel e Rebekah naquele climão, Freya assumindo que ajudou Hope e logo saindo de cena, o que vai causar um problemão com Klaus e Kol, sempre pontual, esperto com magia e… gato! Já aparece sem camisa! hahaha.

Ainda temos flashsbacks de Hayley e Klaus, durante os anos em que o relacionamento dos dois começou por conta da filha. Vemos a escolha do nome da bebê, uma cena dos dois quando Klaus decide se afastar e ele encontra cartas para ele, que nunca foram entregues.

the originals 5x08the originals 5x08

A única coisa faltando foi mostrar Hope desenvolvendo o feitiço, porque ela simplesmente não apareceu no episódio. Entendo que, com a família e todas as questões que os cercam juntos, era interessante focar somente neles, mas uma ceninha de um minuto não faria diferença. No final, eles conseguem suas respectivas chaves, muito por conta de Marcel e Kol, e vão parar em frente a red door de Elijah. Todos vão embora e Klaus sente que precisa ajudá-lo.

E aí, amigos, que momento! Um dos mais significativos da série, Elijah acorda na igreja junto com os outros, e com toda dor no coração, lembra de tudo, inclusive sua participação na morte de Hayley. Foi triste e palmas para Daniel pela interpretação. No mais, o vemos ao final, já de terno, no Bayon enquanto Klaus finalmente resolve ler as cartas de Hayley, às lágrimas. Gostei do destaque que deram à relação dos dois, que já brigaram muito, mas afinal, sabiam da importância e do elo que tinham, para sempre, com uma filha.

Agora vamos ver como Hope ficará e também Antoinette e os vampiros puristas.

Besos!

PS: Teve beijo MaBekah, eu não sei nem o que faço se meu casal não ficar juntos. Rebekah sempre fala sobre ser humana, espero que não inventem uma cura para ela.

PS2: Klaus quando Hayley sugeriu Katherine pro nome: God, no! HAHA quem é de TVD entendeu.

PS3: Acharam que eu não ia colocar o gif do Kol? Ta aqui ó:

the originals 5x08

*A resenha está em um modelo diferente do qual usamos porque foi posteriormente postada pelo nosso site parceiro Coisas da Juuh. A repostagem foi autorizada pelo autor e blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *