Review: Arrow 6×21 – “Docket No. 11-19-41-73”

Atenção: a resenha abaixo contém spoilers de “Docket No. 11-19-41-73”, exibido no dia 03/05/2018.

arrow 6x21

Chegou o momento que está sendo antecipado desde o início da temporada: o julgamento do Oliver. Diaz tem influência literalmente sobre todo mundo que está participando do julgamento, então mesmo que a defesa do Oliver seja ótima, não tem muito o que ele possa fazer. Dito isso, a defesa dele provavelmente não é ótima, é difícil dizer porque esse julgamento não faz nenhum sentido jurídico. Não que essa seja minha área de conhecimento, mas já assisti filmes e séries o suficiente para saber que assim que não é.

O julgamento inteiro é focado apenas na identidade do Oliver, se ele é ou não é o Green Arrow, acho isso bem idiota porque eles deveriam estar tentando colocá-lo nas cenas do crime, ter evidências reais sobre o Oliver ter ou não cometido algum assassinato ou outro crime. Mas vamos ignorar isso, para a justiça de Star City as provas são só essas. E todo mundo que testemunha fala somente se acham que o Oliver é ou não é. Literalmente opiniões. Ninguém mostra nenhuma evidência em momento algum. Isso me dá dor de cabeça só de pensar.

A melhor estratégia, segundo Jean, a advogada de Oliver, seria simplesmente admitir que ele é o GA e tentar defender a ideia de que ele não deveria ser preso por isso. Oliver diz que não quer isso porque isso implicaria que ele não poderia viver uma vida normal algum dia, não poderia simplesmente se aposentar, ter um emprego normal e viver com a família dele. Ele também fala que colocaria um alvo nas costas do William e da Felicity, mas honestamente todos os vilões já sabem a identidade dele a essa altura. Eu acho que a série está se encaminhando para o Oliver deixar a identidade dele pública e aceitar que ele vai ser o Green Arrow para sempre – ou até estar velho demais para continuar. Oliver já tentou parar algumas vezes e não conseguiu, mas continua com a ideia de que não vai fazer isso para sempre, acho que chegou o momento de ele aceitar que vai sim. Vou ficar decepcionada se essa não for a conclusão da temporada.

De qualquer forma, Oliver se recusa a admitir que é verdade e continua com seu plano anterior. Esse plano consiste principalmente em uma pessoa: Chance, aka Human Target. Ele já apareceu uma vez, quando fingiu ser Oliver na temporada passada, e agora surgiu para fingir ser o GA. Ele usa o rosto de Tommy, que aparece dizendo que fingiu a própria morte, mas apareceu apenas para inocentar o Oliver, aproveitando para inocentar o Roy também, dizendo que os dois tinham sido culpados por seus crimes.

Eu já sabia que seria o Human Target, mas ainda assim foi ótimo ver o rosto do Tommy de novo. De todos os personagens antigos, acho que Tommy foi um dos mais marcantes.

human target 6x21

Mas mesmo com Tommy aparecendo e levando toda culpa, até sendo preso por isso (só para ser resgatado por Diggle e Rene), o julgamento não terminou. Muita parte dele é baseado no testemunho de outras pessoas, que como eu comentei não falaram nada de muito útil, mas ocupou a maior parte do episódio.

Felicity testemunhou, falando sobre como a foto que inicialmente tinha começado a investigação contra o Oliver tinha sido adulterada. Eles falaram como se fosse irrelevante, mas honestamente, não é. Eles não apresentaram NENHUMA evidência tirando o testemunho do Rene, o que claramente não é o suficiente. Gente, até eu que sei que o Oliver é o Green Arrow teria inocentado ele só com essas provas. Desculpa ficar repetindo isso, mas é que quanto mais eu escrevo, mas óbvio fica a ausência de provas nesse caso. Mas tudo bem, Felicity testemunha e temos uma das interrogações mais idiotas que eu já vi, quando a promotora pergunta para a Felicity se o motivo de ela se casar com o Oliver tão rápido foi para não testemunhar. Vamos repetir: ela pergunta para Feilicity, a testemunha, se ela se casou para não testemunhar, ENQUANTO ela testemunhava. Olha, vou adivinhar que a resposta é não, hein.

Agora as outras pessoas que testemunham são os ex-colegas vigilantes de Oliver, que apesar de serem os mais irritantes, continuam não querendo que Oliver seja preso. Quero só comentar que eles conseguem continuar sendo irritantes mesmo assim, principalmente o Curtis que nem parece se importar com o Oliver. Ou com a Felicity, que deveria ser uma das melhores amigas dele, né, mas ele está pouco se importando que o marido dela está prestes a ser preso. Diggle, apesar de ter brigado com Oliver aleatoriamente, continua sendo uma boa pessoa e até é quem vai até Human Target. Ele também testemunha dizendo que saberia se o Oliver fosse o GA, já que foi segurança dele por anos.

Dinah testemunha tentando não mentir, inclusive alegando que não precisava se incriminar. É bem idiota que ela usou isso quando foi perguntada se tinha assassinado alguém, o que… é muito incriminador. Sério, Dinah, você já está cometendo crimes, pode simplesmente cometer mais um e mentir. Eu nem sabia que você podia escolher não falar em um julgamento (e ainda não sei, porque esse julgamento não é real), achava que se você fosse perguntado diretamente tinha que responder. Foi isso que as outras séries me deram a entender.

Por fim, Rene também testemunha. Ele está se sentindo culpado por Oliver estar ali por causa dele, mesmo com tudo o que aconteceu depois, e até pretende mentir na hora. O que acontece é que Diaz aparece com Zoe bem na hora, ameaçando ela, e Rene não tem escolha a não ser dizer que ele mesmo é o Wild Dog e que Oliver é o Green Arrow sim. De todos os newbies, o Rene é o que se comportou melhor, ele tem motivos reais para denunciar o Oliver, não o julgo, e ele se sente mal por isso e tenta fazer algo para ajudar. É ele que tem a ideia de usar o Human Target mais uma vez, depois que é resgatado como Tommy, e fazê-lo se transformar no juiz, podendo assim dar uma sentença diferente para o Oliver.

O próprio Oliver aparece para agradecê-lo, pede desculpas por tudo o que aconteceu e diz que entende porque o Rene fez o que fez. Eu não sei porque os newbies continuam agindo como se o Oliver fosse um babaca, quando o Oliver mais de uma vez já pediu desculpas e agiu de forma madura com eles. Se for para algum newbie voltar, que seja o Rene.

black siren 6x21

Uma outra testemunha importante e surpreendente é Laurel, a Black Siren. Como sabemos, ela está com Diaz, porém está tendo sentimentos conflituosos recentemente. Pelo o que vemos, Diaz fica mandando nela e Laurel está com medo. Ela conversa com Quentin no início do episódio, em que ele diz que a Laurel dele teria corrido o risco e enfrentado Diaz ao invés de ficar sendo pau mandado dele. É claro que Black Siren se sente ofendida com isso, mas ainda não é o suficiente para tirar o medo que ela sente de Diaz. Eu acho que, se eles vão redimir essa Laurel, eles deveriam aprofundar um pouco essa backstory, o que aconteceu na vida dela para ela ter seguido com essa vida, além do pai ter morrido quando ela era jovem? Por que ela sente tanto medo de Diaz quando ela mesma tem poderes? Tudo bem que eles estão tentando apresentá-lo como assustador, mas acredito que pudesse ser mais interessante se Laurel tivesse algum relacionamento anterior que a faz agir assim com Diaz agora.

O importante é que mesmo com medo dele, Laurel resolve seguir o que Quentin diz e ir contra Diaz, não só ela não traz as informações que Diaz tinha sobre o Human Target – que tornariam o depoimento de Tommy/Chance irrelevantes – mas também alega que é o Tommy mesmo o Green Arrow, o que ela saberia já que está fingindo ser a Black Canary, e não o Oliver. É claro que no final o depoimento dela não faz diferença, já que tanto o júri quanto o juiz trabalham para Diaz, mas para o público esse julgamento fica ainda mais duvidoso. E ela está traindo Diaz publicamente, o que é algo bastante corajoso de se fazer, mas também muito idiota.

Após um ato de bravura, Laurel resolve que o próximo passo é simplesmente matar Diaz antes que ele vá atrás dela. Não é um plano ruim, o único problema é que ela anunciou para todos que o traiu, então Diaz já estava a esperando e tinha um dispositivo que tira o poder dela, impedindo-a de matá-lo. Laurel devia tê-lo matado enquanto ele dormia.

No fim, depois de todos esses depoimentos, nada adianta porque o júri resolve que Oliver é culpado. Graças ao Rene e o Human Target, o juiz resolve ter uma sentença contrária ao júri (o que é possível, o juiz existe por um motivo, afinal) e inocenta Oliver. Até que fez sentido, porque de fato ninguém provou nada sobre o Oliver ser o Green Arrow. Eles tiveram apenas uma testemunha que alegou tê-lo visto, enquanto várias outras dizem que não é, juntando isso com literalmente nenhuma evidência, não teria como prender o Oliver.

Acredito que o Oliver vai confessar em público ser o Green Arrow no final dessa temporada, se isso vai levá-lo a ser preso – afinal uma confissão seria uma evidência bem importante, que eles não tinham dessa vez – ou se vão deixá-lo livre, aí vamos ter que esperar a season finale para saber.

O Melhor:

+ Oliver sendo inocentado

+ Oliver e Felicity fofos

+ Rene e Diggle ajudando o Oliver

+ Ver o rosto do Tommy novamente

O Pior:

– Falta de sentido no julgamento

– Curtis, ugh.

Nota: 8,5

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *