Dica da Semana: Mulher-Maravilha (2017)

wonder-woman-2017-DC
Distribuição: Warner Bros.
Lançado esse mês, Mulher-Maravilha é o 4º filme do Universo Estendido da DC. Ao invés de continuar de onde Batman vs Superman: A Origem da Justiça (2016) largou a história, no entanto, Mulher-Maravilha foca na origem de Diana Prince.
 
Filha da Rainha das Amazonas, Hipólita, Diana cresceu na ilha de Themyscira. Longe do ‘mundo dos homens’ e seus conflitos, e treinada pela General Antíope, ela se torna uma das melhores guerreiras da ilha. Ela acredita estar se preparando para enfrentar o maior inimigo das Amazonas: Ares, o Deus da Guerra
Quando Steve Trevor cai no mar de Themyscira e Diana escuta os relatos aterrorizantes sobre a Grande Guerra (1914 – 1918) assolando o ‘mundo dos homens’, ela está certa do envolvimento de Ares. E, como uma Amazona, acredita ser seu dever destruí-lo e libertar os homens da sua influência maligna. Os dois, então, vão lutar no front.
 
wonder-woman-2017-DC
Distribuição: Warner Bros.
O 1º filme solo de uma heroína em mais de uma década, Mulher-Maravilha é uma lufada de ar fresco. Com um elenco excelente, contando com Gal Gadot, Chris Pine, Robin Wright e Connie Nielsen, e uma mulher talentosa na direção, Patty Jenkins, o filme destruiu um mito Hollywoodiano: o de que ninguém assiste filmes de heroínas.
 
Superando todas as expectativas (dos executivos das Warner Bros.), Mulher-Maravilha fui um sucesso de bilheteria e de crítica avassalador. E não é à toa! Com cenas incríveis, atuações impecáveis – e uma Diana Prince mais otimista –, muita ação e menos ‘hello darkness my old friend’, o filme não fica devendo nada à nenhum dos filmes da Marvel!
 
Com isso, o Universo Estendido da DC finalmente conseguiu se firmar melhor. E não tentem negar que a DC estava enfrentando uma baita crise cinematográfica antes de Mulher-Maravilha! Seus predecessores podem até ter tido ótimas bilheterias, mas a maioria dos fãs e da crítica especializada não gostou. Ninguém estava confiante nos filmes da DC – até agora, pelo menos. Vem Liga da Justiça (e não nos decepcione)!
 
wonder-woman-2017-DC
Distribuição: Warner Bros.
Honestamente, entretanto, não sei o que é mais inacreditável: que um filme das heroínas mais badaladas da DC Comics tenha demorado tanto pra sair… Ou quão bom foi ver uma mulher kicking ass do início ao fim. Muita gente pode discordar de mim, mas acredito que representatividade é importante. Afinal, tantas heroínas legais por aí e nenhuma vai pro telão? Por favor.
 
O mundo das HQs, questionável como pode vir a ser de vez em quando, têm muitas mulheres incríveis em suas páginas. E, como foi comprovado (há!), existe um público ansioso para vê-las. Delicie-se com seu sucesso DC, mas não pare por aí.
 
Enfim, ficou curioso/a? Assista ao filme! Prometo que não vai se arrepender. E ainda vai sair de lá querendo salvar o mundo. Checa só o trailer:
 

Thaís Cabral – Estudante de Publicidade, pseudo-escritora, leitora compulsiva e chocólatra. Gosto de séries de TV (americanas e/ou britânicas), filmes e anime/mangá.

Uma resposta para “Dica da Semana: Mulher-Maravilha (2017)”

  1. Eu ja vejo diferente sou fã de todos(a) os heróis sendo da Marvel ou da DC, todos os filmes que asisti desde 2000 pra cá todos são ótimos e não canso de asisti nenhum,criticados ou não eu não tenho nada a dizer sobre os filmes de ambas,pra mim são Bom de mais e não quero que parem de fazer filmes deles dos heróis que agente ler imaginando as batalhas na mente,pra mim todos são bons…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *